Profissionais de educação física acompanham pacientes nas unidades de saúde

02/05/2023 15:00
Cristine Rochol/PMPA
SMS
Capacitações abordaram questões de saúde voltadas às especificidades do público-alvo

Pessoas hipertensas, diabéticas e obesas atendidas nas unidades de saúde de Porto Alegre passam a ter um acompanhamento diferenciado. Pela primeira vez na Capital, profissionais de educação física terão um olhar voltado às especificidades desse público. O projeto é desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), com apoio da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude (SMELJ).

São 16 profissionais de educação física, quatro por coordenadoria de saúde. “A ideia é melhorar a qualidade de vida a partir de ações de saúde na perspectiva da atividade física”, explica a coordenadora de políticas públicas da Atenção Primária, Elaine Oliveira Soares. O acompanhamento inclui atividades em grupo, aconselhamentos individuais, palestras e visitas a moradores junto com agentes comunitários de saúde.

“Entendemos que é necessário ter a figura do profissional de educação física dentro do Sistema Único de Saúde, é um avanço para a cidade”, avalia o coordenador da unidade pedagógica da SMELJ, Fernando Dourado. Ele é um dos responsáveis pela capacitação dos profissionais contratados, junto com Aline Bonatto, coordenadora da unidade de projetos.

As capacitações destacaram questões voltadas às especificidades do público-alvo e à atividade física na abordagem da saúde. As quadras e outras estruturas e materiais da SMELJ poderão ser utilizadas para as ações em grupo.

 

Vanessa Conte

Gilmar Martins

Acompanhe a prefeitura nas redes