Operação integrada dispersa cerca de 3 mil pessoas em ruas da Capital

25/09/2021 10:18
Robson Da Silveira / PMPA
SEGURANÇA
Balada Segura autuou 25 condutores e recolheu sete veículos

Durante a noite de sexta-feira, 24, e madrugada deste sábado, 25, foi realizada mais uma operação reunindo a Guarda Municipal, Brigada Militar, Corpo de Bombeiros, Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e Diretoria Geral de Fiscalização. Aproximadamente 3 mil pessoas foram dispersadas em seis locais da cidade.

Os agentes estiveram em áreas tradicionalmente frequentadas da noite de Porto Alegre. Foram dispersadas aglomerações na rua Padre Chagas esquina Luciana de Abreu, na rua 24 de Outubro em frente ao Parcão, bairro Moinhos de Vento, no Largo dos Açorianos, no Centro Histórico, na esquina das ruas da República com Lima e Silva, assim como na rua José do Patrocínio esquina com a rua da República, na Sofia Veloso e na João Alfredo, Cidade Baixa.

Foram autuados dois bares na rua Sarmento Leite e uma fruteira na rua José do Patrocínio, Cidade Baixa, por ausência de Plano de Prevenção e Proteção Contra Incêndio (PPCI). Um dos bares também não possuía alvará de funcionamento.

A Guarda Municipal ainda prendeu um homem no interior do Parque Farroupilha que havia assaltado um jovem e furtado o seu celular. A vítima procurou ajuda no Posto de Combustível situado na rua João Pessoa com a Venâncio Aires, onde uma viatura da guarnição estava abastecendo. O jovem e autor do delito foram conduzidos à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento para os trâmites legais.

Na rua 24 de Outubro, foi realizada barreira da Balada Segura, com 51 veículos abordados, 25 autuações, 11 CNHs e sete veículos recolhidos.

Durante a operação, foi feita a autuação de um veículo que estava em alta velocidade no cruzamento da rua Princesa Isabel com a João Pessoa, no bairro Santana. O condutor se recusou a realizar o teste do etilômetro, e a sua CNH foi recolhida.

"Precisamos contar com a colaboração da população no cumprimento da lei e das normas dos protocolos da Covid-19, para que possamos manter as atividades econômicas e sociais, sem nos descuidarmos da saúde, que é a prioridade", lembrou o comandante da Guarda Municipal, Marcelo do Nascimento.

Denúncias devem ser feitas pelos telefones 153 e 156.

 

 

 

 

Vinicius Sinott

Andrea Brasil

Acompanhe a prefeitura nas redes