Copa dos Refugiados e Migrantes ser√° realizada neste domingo

26/11/2022 08:17

Com apoio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), a Copa dos Refugiados e Migrantes ser√° neste domingo, 27, das 8h √†s 18h, no Sesc¬†Campestre. Promovido pela organiza√ß√£o Pelo Direito de Migrar (PDMIG) ‚Äď √Āfrica do Cora√ß√£o, o evento ter√° a participa√ß√£o de 180 atletas amadores representando os seus pa√≠ses: Angola, Senegal, Col√īmbia, Haiti, Venezuela, Palestina, L√≠bano, Chile, Guin√© e Peru. Al√©m da SMDS, s√£o parceiros na realiza√ß√£o as secretarias municipais de Esporte, Lazer e Juventude e de Sa√ļde, o Comit√™ Municipal de Aten√ß√£o a Migrantes, Refugiados, Ap√°tridas e V√≠timas do Tr√°fico de Pessoas, a Funda√ß√£o Pan-Americana pelo Desenvolvimento e o Sesc-RS.

Os jogos começam às 8h de domingo. Na primeira fase, as equipes, divididas em duas chaves com cinco times cada, jogam entre si. Os dois primeiros colocados de cada chave se enfrentam no quadrangular final.

O coordenador da Unidade de Povos Ind√≠genas, Imigrantes, Refugiados e Direitos Difusos, Mario Fuentes Barba, afirma que esse encontro eleva a moral dos migrantes e refugiados, al√©m de fortalecer a rela√ß√£o com o pa√≠s de origem. ‚ÄúO futebol √© por si s√≥ uma atividade integradora e universal que n√£o delimita cor, ra√ßa, credo ou etnia. √Č um palco para a comunh√£o sem barreiras das popula√ß√Ķes migrantes‚ÄĚ, explica Barba.

Retomada - O evento esportivo teve início em 2014, no estado de São Paulo. Em 2017 foi realizada a primeira edição em Porto Alegre. Com as atividades interrompidas em 2020 e 2021, em razão da pandemia de Covid-19, esta edição será a retomada da Copa em oito estados brasileiros e em Buenos Aires, na Argentina.

Teste e¬†Trate -¬†A¬†Secretaria Municipal de Sa√ļde aproveita a programa√ß√£o da Copa dos Refugiados para lan√ßar a estrat√©gia Teste e Trate voltada √† popula√ß√£o de imigrantes e refugiados, no intuito de ampliar a testagem e o tratamento para o v√≠rus da hepatite C em p√ļblicos priorit√°rios. Das 9h √†s 17h, o √īnibus Fique Sabendo ir√° oferecer testes r√°pidos para detec√ß√£o de hepatites virais B e C, s√≠filis e HIV.

Tamb√©m ser√£o distribu√≠dos preservativos internos e externos, gel lubrificante, material informativo, al√©m de a√ß√£o de educa√ß√£o em sa√ļde. Haver√° coleta de escarro para identificar a tuberculose, orienta√ß√Ķes relativas √† doen√ßa e informa√ß√Ķes sobre dengue e Monkeypox. Com a estrat√©gia Teste e Trate, o objetivo √© remover barreiras de diagn√≥stico e tratamento em pessoas que, por qualquer motivo, estejam em situa√ß√Ķes de maior vulnerabilidade.

 

Eduarda Alcaraz

Gilmar Martins